EGOCENTRISMO

outubro 14, 2010

me faço louca
egoista, perco os sentidos.
vivendo do tudo e do nada, tinta na pele, cigarros queimando.
eu respiro a tempestade!
O furacão escondido em seu sorriso é como as luzes na árvore de natal, carregando a anciedade infantil
E transformo o caos em poesia, beleza ardente escondida nos cantos da cidade, coração da noite e no barulho da madrugada
Voce se faz ideal
quase uma catastrofe em um dia de sol
existe sempre outro lugar que podemos ir!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: