TARGET

novembro 27, 2010

Um novo alvo em cada amanhecer
Uma caneca de café ao som de qualquer musica quase agradavel.
Poeta de cigarros e inutilidades
De vidas e mortes
de indas e nunca vindas.
Sem rimas apenas bulimia e dores de cabeça.
O som que desfila pelos corredores gelados torna o dia mais cinza
aconchegante
Enchem os copos
Deitam nas nuvens
Brindam a vida!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: