novembro 8, 2011

fica,
Murmurou com uma voz suave, quase rouca.
Eu fui,
Mas deixei um pouco de mim ai,
Um cigarro, alguns chicletes.
Me dói ver essa cidade ficar para trás
Uma velocidade que nem mesmo meus olhos podem alcançar.
Eu tento agarrar o tempo que correu,
Escorreu como fumaça pelos meus dedos,
Eu volto.
Conheci céus e mares, buscando minhas verdades,
Perguntas para essas respostas sem sentido.
Ai tu chegou
Com teus olhos da madrugada, eu tentei lutar,
Evitar que o sentimento ultrapassasse minha barreira,
Fui completamente seduzida pelo nosso próprio mistério,
Meu vicio crescendo pouco a pouco,
Nessa tentativa de me proteger fiquei completamente vulnerável ao seu toque,
Me cativou com o sorriso.
Deixa seu rosto próximo do meu, deixa a noite acabar,
A gente vive esse amor aqui,
Revive ele ai,
Que o infinito é todo nosso.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: