02:09 am

março 20, 2012

fico tentando dormir sem você do meu lado,
mas o papel em branco me agoniza tanto quanto a cama vazia.
rabisco palavras pra preencher a cama,
mas só contigo aqui que elas soam belas.
os minutos se arrastam longe dos seus braços,
a noite interminável,
a falta,
o nó que apenas suas mãos podem desatar.
mas deixo contigo, meu amor, tudo aquilo que quiseres,
é tudo teu.
e quando a gente se encontrar,
vou te contar todas as historias das madrugadas que passei pensando em ti,
noites e noites sem dormir que só fizeram crescer esse meu amor.
todos os dias Tu me cativas,
todos os dias me apaixono mais,
logo eu que nunca acreditei no amor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: